Vou viajar. Preciso tomar a Vacina da Febre Amarela?

Uma dúvida muito frequente é sobre a vacina da febre amarela, esta é outra providência que, se possível, deve ser tomada mesmo sem viagem marcada, tomar a dose integral da vacina contra febre amarela e emitir o certificado internacional de vacinação é muito importante.(mas atenção: a dose fracionada, aplicada em alguns estados, NÃO dá direito ao certificado.)

Cada vez mais países estão exigindo a vacina de brasileiros, e a vacina precisa ser tomada pelo menos 10 dias antes da viagem, senão você não embarca. Se no seu estado não estão exigindo passagem aérea pra aplicar a dose integral, aproveite e vacine-se o quanto antes. Se você precisar apresentar passagem pra se vacinar com a dose integral, lembre-se de se vacinar tão logo tenha a passagem na mão.

Para saber quais países exigem a vacina, consulte o site da Anvisa e/ou do respectivo consulado/embaixada. Assim, terá informações oficiais e atualizadas.

images (10)

E quem não pode se vacinar ? 

Sem problemas, pois apesar de não conseguir emitir o Certificado Internacional de Vacinação, você poderá emitir um atestado de isenção da vacina.

A própria Anvisa disponibiliza um modelo de atestado. Assim, você deve levá-lo a um médico de sua confiança para que ele avalie seu caso e assine o documento.

Este são os grupos que não podem tomar a vacina contra febre amarela:

  • Crianças menores de 9 meses de idade
  • Mulheres amamentando crianças menores de 6 meses de idade
  • Pessoas com alergia grave ao ovo
  • Pessoas que vivem com HIV e que têm contagem de células CD4 menor que 350
  • Pessoas em tratamento com quimioterapia/radioterapia
  • Pessoas com doença autoimune
  • Pessoas submetidas a tratamento com imunossupressores (que diminuem a defesa do corpo)

Além dos casos mencionados, pode ser que a pessoa tenha alergia à vacina por algum outro motivo. Logo, cabe ao médico avaliar a contraindicação e, se for necessário, assinar o atestado de isenção.

Como e onde obter o Certificado Internacional de Vacinação

Até 29 de janeiro de 2019, era necessário ir pessoalmente a um Centro de Orientação para a Saúde do Viajante. Agora todo o processo de emissão do CIVP é on-line, da solicitação à emissão. Portanto, você só precisará sair de casa para tomar as vacinas (afinal, é isso que o documento comprovará!). O serviço também é gratuito. Hoje está bem mais fácil conseguir o certificado digital, há dois anos atrás quando tiramos o nosso foi bem mais difícil e alguns lugares específicos que faziam essa emissão. Aproveita e já deixa em dia a sua carteirinha de vacinação.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: